Grêmio vence e deixa Corinthians líder

Tricolor gaúcho alcança a terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro. Equipe paulista perde a vice-liderança

A reação do Grêmio no Campeonato Brasileiro segue a todo vapor. Na noite deste domingo, o Tricolor gaúcho derrotou o São Paulo por 1 a 0, diante da sua torcida, no Olímpico, em Porto Alegre, em confronto válido pela 23ª rodada da competição.

Douglas foi o autor do gol da terceira vitória seguida do Grêmio no Brasileirão. O camisa 10 soma cinco tentos na competição e se junta ao atacante André Lima na artilharia do time.

Com os três pontos, o Grêmio foi aos 30 e assumiu a 11ª posição. Já o São Paulo segue com 41 e agora é o terceiro colocado, já que o Vasco somou um ponto ao empatar com o Figueirense. Além do jogo, a equipe paulista perdeu o atacante Dagoberto para o confronto do próximo sábado, diante do Ceará. O camisa 25 recebeu o seu terceiro cartão amarelo e terá de cumprir suspensão automática.

O Grêmio volta a atuar pelo Campeonato Brasileiro no próximo sábado (17), quando terá o Vasco como adversário, em São Januário, às 18h. Já o São Paulo receberá o Ceará, no Morumbi, no mesmo dia e horário.

O JOGO

A conhecida velocidade do ataque do São Paulo se fez presente logo aos dois minutos. Lucas passou como quis por dois gremistas e deixou Piris em condições de finalizar. O paraguaio fez o que dele se esperava, mas a bola subiu muito.

O Grêmio não tardou a responder. O já tradicional esquema de três apoiadores formado por Marquinhos, Douglas e Escudero começou a funcionar no Olímpico e o Tricolor do Rio Grande tomou conta do jogo. Mas o primeiro lance de perigo veio apenas aos 16 minutos, quando Mário Fernandes, convocado para defender a seleção brasileira, driblou Juan duas vezes, mas errou na hora do cruzamento. 

O bom momento gremista no jogo poderia ser coroado aos 23 minutos. Após investida de Marquinhos pela direita, André Lima desviou de letra  e venceu Rogério Ceni. Mas o camisa 99 estava impedido e o gol não foi validado.

Aos 30 minutos, mais polêmica no Olímpico. Marquinhos passar pela marcação de Juan e caiu. Héber Roberto Lopes não hesitou e pune o camisa 19 do Grêmio por simulação. Eis que dois minutos depois, Casemiro avança pela direita e tentar o driblar Adilson cai na pequena área. Héber nada marca e após dois minutos, Casemiro é agraciado com o cartão amarelo.

Após um certo domínio do Grêmio, o jogo ficou aberto. Se o Tricolor gaúcho tinha mais posse de bola, foi o paulista que teve boa oportunidade de ir para o intervalo em vantagem. Aos 39, Dagoberto deixou Cícero na boa. O camisa 16 finalizou, mas Edcarlos fez o corte. O Grêmio até chegou com perigo antes de fim do primeiro tempo, mas André Lima errou na hora de executar um voleio que poderia ser perigoso.

SEGUNDO TEMPO

A primeira grande chance de gol da segunda etapa veio com Dagoberto. Após troca de passes entre Cícero e Lucas, o camisa 25 finalizou com força e obrigou Victor a fazer bela defesa, aos quatro minutos. Logo depois, aos 18, Juan fez cruzamento preciso para Casemiro, que cabeceou e venceu Victor. Mas o volante são-paulino estava impedido.

Pressionado, o Grêmio foi objetivo na hora de responder. Aos 19 minutos, Julio Cesar venceu o duelo com Piris e deu bela e precisa assistência para Douglas, que sem marcação, não teve trabalho algum para finalizar e abrir o placar no Olímpico. Grêmio 1 a 0.

A desvantagem no placar obrigou Adilson Batista a alterar a formação do São Paulo. Casemiro, Cícero e Dagoberto deixaram a partida para as entradas de Jean, Willian José e Rivado, respectivamente. Mas de nada adiantou. Pouco inspirado, o São Paulo foi presa fácil para a marcação gremista.

As únicas boas oportunidades de gol criadas pelos comandados de Adilson Batista na etapa final aconteceram graças a Willian José. Aos 38, o atacante aproveitou cruzamento na área e cabeceou para a defesa de Victor. No minuto seguinte, a finalização foi sem força e o camisa 1 gremista não teve trabalho para evitar o gol. 

Controlando as poucas investidas do adversário, o Grêmio fez o tempo passar e celebrou o seu terceiro triunfo consecutivo no Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA:

GRÊMIO 1 X 0 SÃO PAULO

GRÊMIO: Victor, Mário Fernandes, Saimon, Edcarlos e Julio Cesar; Adilson, Fernando, Marquinhos (Miralles, aos 24'2T), Douglas e Escudero; André Lima (Brandão, aos 40'2T). Técnico: Celso Roth.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Piris, João Filipe, Rhodolfo e Juan; Wellington, Casemiro (Jean, aos 27'2T), Carlinhos e Cícero (Willian José, aos 29'2T); Lucas e Dagoberto (Rivaldo, aos 35'2T). Técnico: Adilson Batista. 

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)

Data/hora: 11/9/2011 às 18h (horário de Brasília)

Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa-PR)

Auxiliares: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Bruno Boschilia (PR)

Renda/Público: R$ 561.727,00 - 30.078 pagantes.

Cartões amarelos: Marquinhos, Saimon, Julio Cesar, Douglas e Edcarlos (GRE); Casemiro, Juan e Dagoberto (SAO)

Gol: Douglas, aos 19'2T(1-0)

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário