Casillas levará a taça da Fifa na cerimônia de abertura da Copa

O goleiro foi escolhido para carregar a taça e comentar os jogos da competição

A Fifa anunciou nesta quarta-feira que o goleiro Iker Casillas foi escolhido para levar a taça da Fifa ao gramado do estádio Luzhniki, nesta quinta, em Moscou, na cerimônia de abertura da Copa do Mundo de 2018.

Campeão do mundo e capitão da Espanha na Copa de 2010, o jogador do Porto está na Rússia para comentar os jogos da competição, que será aberta com o confronto entre a seleção anfitriã e a Arábia Saudita, nesta quinta-feira, às 12 horas (de Brasília), justamente no estádio Luzhniki.

Casillas será apenas uma das atrações da cerimônia de abertura, que também teve a presença da modelo russa Natalia Vodianova confirmada pela Fifa nesta quarta-feira. O goleiro, que também fez história com inúmeros títulos pelo Real Madrid, levará ao campo nesta quinta o troféu que será entregue ao campeão da Copa de 2018 no dia 15 de julho, data da grande final da competição, também em Moscou.

Ao confirmar Casillas como participante ilustre da cerimônia de abertura do Mundial, a entidade máxima do futebol lembrou que o seu troféu mais cobiçado tem 36 centímetros de altura, pesa 6,175kg e é feito de ouro maciço de 18 quilates com uma base de malaquita semipreciosa.

Na última segunda-feira, a Fifa já havia anunciado oficialmente que a cerimônia desta quinta também contará com a presença do ex-atacante Ronaldo, campeão do mundo com a seleção brasileira em 1994 e 2002. Naquela ocasião, o cantor britânico Robbie Williams e a soprano russa Aida Garifullina também foram confirmados como participantes do grande evento de abertura deste Mundial.

As glórias do futebol, segundo a Fifa, serão representadas por Ronaldo nesta festa. A entidade, porém, não revelou qual será o papel do brasileiro durante a cerimônia.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário