Atualizado em terça-feira, 23 de abril de 2013 - 19h53

Felipão: agradar e desagradar na convocação

Treinador da seleção brasileira é enfático sobre lista da Copa das Confederações. "Não estou aqui para agradar todo mundo"
Luiz Felipe Scolari durante entrevista coletiva realizada nesta terça-feira / Wagner Carmo/VIPCOMM Luiz Felipe Scolari durante entrevista coletiva realizada nesta terça-feira Wagner Carmo/VIPCOMM

Luiz  Felipe Scolari vai divulgar o nome dos 23 jogadores que vão defender a seleção brasileira na Copa das Confederações no dia 14 de maio. Mas o treinador sabe que ao mesmo tempo vai agradar e desagradar em sua lista.


“Eu vou agradar os 23 que serão convocados, mas vou desagradar alguns outros. Mas eu não estou aqui para agradar todo mundo. Então eu vou fazer o que tem que fazer na medida em que as coisas forem evoluindo nos jogos e depois dos jogos”, disse em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira, após comandar treino.

O comandante destacou quais são as dores de cabeça que está tendo para testar alguns jogadores. “Minha maior dificuldade é que eu tenho três jogadores para duas posições e ai é que vou ter que fazer a escolha”, disse.

“Eu vou fazer o que tem que fazer na medida em que as coisas forem evoluindo nos jogos e depois dos jogos, porque muitos jogadores têm lesão e eu vou ter que estudar. Se a composição fosse hoje o Marcelo e o Hulk tem lesões. Eu tenho que esperar e dar mais esses 14 dias para definir, além do jogo de amanhã, que é importante para eu observar a reação de alguns jogadores”, finalizou.

O Brasil estreia na Copa das Confederações no dia 15 de junho, contra o Japão, em Brasília.

 

publicidade