Cunha quer jogo da amizade feminino na Arena Condá

Marco Aurélio Cunha revelou que já trabalha com a possibilidade do jogo acontecer

O ex-dirigente do São Paulo e agora diretor de seleções do futebol feminino na CBF, Marco Aurélio Cunha, revelou que trabalha para marcar um jogo da seleção feminina contra a Colômbia, na Arena Condá. A informação foi dada em entrevista para o jornalista Milton Neves, na Rádio Bandeirante.

“Eu quero ver se consigo fazer um jogo da seleção feminina em Chapecó, temos uma data Fifa e estamos trabalhando para trazer a seleção colombiana. É uma ideia ousada, mas queremos fazer uma homenagem aos colombianos.”

Cunha lembrou também que o jogo da amizade - amistoso entre Brasil e Colômbia e com toda a renda revertida para os familiares da tragédia com o avião da Chape - foi cedido a todas as redes de televisão para ser transmitido.

“A democratização das transmissões de eventos esportivos precisa acontecer. O jogo da amizade está fora de contesto contratual, então a CBF fez o gesto correto.”

O ex-dirigente sempre foi muito ligado ao tricolor e inclusive em 2016 se licenciou de seu cargo na CBF para ajudar o clube em um momento turbulento no Campeonato Brasileiro. Durante a entrevista, Cunha contou que a equipe paulista tem até oito nomes bons para se tornarem presidentes do time.

Ele também aprovou a modificação estatutária dentro do clube: “Temos seis ou oito nomes bons para a presidência do São Paulo. A mudança estatutária é benéfica, haverá os cargos com remuneração e isso é perfeito. Não dá mais para vivermos com um clube que o presidente fica gastando e não ganhando nada, e ainda é acusado de trapaça. Eu acho que aos poucos isso vai mudando no futebol brasileiro.”

O São Paulo ganhou ontem a Flórida Cup diante de seu rival Corinthians e agora foca no Campeonato Estadual. O jogo da amizade será transmitido ao vivo na tela da Band

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário