Seleção treina completa em Porto Alegre antes de jogo com o Paraguai

Trabalho foi aberto para a imprensa por 15 minutos e teve em campo o meia Fernandinho

O técnico Tite, da seleção brasileira, contou com os 23 jogadores convocados no treino desta quarta-feira, no CT do Grêmio, na última atividade antes da partida de quartas de final contra o Paraguai, em Porto Alegre. O trabalho foi aberto para a imprensa pelos primeiros 15 minutos e teve em campo o meia Fernandinho, que será titular, e o goleiro reserva Cássio, recuperado de problema no quadril.

Os dois jogadores eram os nomes acompanhados com mais cuidado pela comissão técnica. Fernandinho recebeu uma pancada no joelho direito contra a Venezuela e passou por um tratamento intensivo. A atenção serviu para tê-lo como titular, já que Casemiro recebeu o segundo cartão amarelo diante do Peru e estará suspenso. A troca deve ser a única na equipe em comparação à formação usada na última partida.

Já o goleiro Cássio havia ficado sem trabalhar no gramado nos últimos dias, porém está liberado pelos médicos. Tite permitiu a presença da imprensa somente nos 15 primeiros minutos da atividade no CT do Grêmio. Neste período, os jogadores realizaram o aquecimento e a comissão técnica posicionou no gramado estacas para simular o posicionamento tático da defesa paraguaia em duas linhas de quatro.

A atividade desta quarta ocorreu no CT do Grêmio e não no local da partida, a Arena do Grêmio, para preservar o gramado. O campo do estádio recebeu críticas dos jogadores nos últimos dias, inclusive do argentino Lionel Messi. A comissão técnica da seleção brasileira foi ao estádio gremista nos últimos dias para vistoriar as condições da grama e manifestou preocupação. Nas últimas 24 horas, em Porto Alegre teve chuva forte e uma queda brusca de 15ºC na temperatura.

Para a partida contra o Paraguai, nesta quinta-feira, às 21h30, o Brasil deve ser escalado com: Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís; Fernandinho, Arthur e Philippe Coutinho; Everton, Gabriel Jesus e Roberto Firmino. Em caso de empate, a decisão da vaga nas semifinais irá para os pênaltis, sem a disputa de prorrogação.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário