Rodrigo Santana repete time em treino na Argentina e define Atlético-MG para semi

Galo tenta esquecer má fase no Brasileirão diante do Colón pela Copa Sul-Americana

Em um treino realizado na tarde desta quarta-feira no CT do Newell's Old Boys, em Rosário, na Argentina, o técnico Rodrigo Santana repetiu a mesma formação titular que já havia testado na última atividade que comandou em Belo Horizonte e, assim, definiu o time que vai a campo para enfrentar o Colón, nesta quinta, às 21h30 (de Brasília), em Santa Fé, pelo confronto de ida das semifinais da Copa Sul-Americana.

No trabalho tático que foi aberto à imprensa, que apenas não pôde registrar imagens do treinamento, o treinador voltou a escalar a equipe com Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Zé Welison e Elias; Chará, Vinícius e Cazares; Franco Di Santo.

Para este confronto em solo argentino, Rodrigo Santana não terá à disposição o atacante Ricardo Oliveira, liberado da viagem por estar convivendo com sérios problemas de saúde na sua família, e também não contará com os lesionados Victor, Uilson, Maidana, Jair e Gustavo Blanco. Para completar, o meia-atacante Luan, que não vem tendo espaço na equipe, sequer foi relacionado para o jogo em Santa Fé.

Atravessando péssima fase no Campeonato Brasileiro, no qual acumula cinco derrotas consecutivas, o Atlético tentará dar continuidade ao bom desempenho que ostenta na Copa Sul-Americana, em que eliminou Unión La Calera-CHI, Botafogo e La Equidad-COL nas fases anteriores da competição.

Substituto de Ricardo Oliveira no ataque do time atleticano, o argentino Di Santo fará a sua estreia como titular da equipe justamente na partida desta quinta-feira, que ocorrerá no estádio Brigadier General Estanislao López, em Santa Fé.

Uma vitória neste jogo de ida da semifinal será fundamental também para acalmar a torcida atleticana. Na noite da última terça-feira, no embarque da equipe no aeroporto Tancredo Neves, em Confins (MG), os jogadores foram alvo de um protesto de uma organizada do clube, que cobrou uma reação do time a partir deste jogo na Argentina.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário