Santos pode perder pontos no Brasileirão, alerta presidente

Orlando Rollo, que assumiu o clube interinamente, citou as ações contra o Peixe na Fifa e as possíveis consequências, disse que o foco está nos problemas financeiros e garantiu Cuca

O presidente interino do Santos, Orlando Rollo, disse nesta terça-feira, 29, que o clube corre riscos de perder pontos no Campeonato Brasileiro por conta das punições na Fifa. Rollo assumiu o comando do Peixe após o afastamento, na véspera, de José Carlos Peres.

Atualmente, o alvinegro foi condenado pelo não pagamento de cerca de R$ 30 milhões pela contratação do zagueiro Cleber Reis, que pertencia ao Hamburgo-ALE, e foi proibido de contratar e registrar novos atletas.

A segunda punição aconteceu no dia 16 de setembro, e o alvinegro não pode contratar atletas pelas próximas três janelas de transferências por não pagar os R$ 18 milhões para o Huachipato-CHI, por conta da compra de 50% dos direitos federativos do meia-atacante Soteldo.

Veja também:
Santos tem acordo com WTorre para nova Vila Belmiro
Com ‘raiva’, Neto vê Corinthians ameaçado de rebaixamento e sugere ‘pastinha’ no time

O Atlético Nacional-COL também está processando o Santos na Fifa por conta do calote de R$ 4 milhões da venda do zagueiro Felipe Aguilar para a equipe brasileira. Em caso de terceira punição, o alvinegro pode perder pontos no Campeonato Brasileiro.

“Não vendi ilusão”

Em entrevista coletiva, Rollo disse não saber quanto tempo ficará no cargo, mas prometeu renegociar as dívidas e tentar resolver os problemas financeiros do clube.

Orlando Rollo concedeu entrevista coletiva nesta terça, um dia depois de assumir a presidência do Santos interinamenteOrlando Rollo concedeu entrevista coletiva nesta terça, um dia depois de assumir a presidência do Santos interinamente - Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

“Uma coisa que eu garanto, e eu falei isso para os jogadores também, e falo agora para a torcida, é que vocês terão todo o meu foco para a resolução desses problemas, principalmente os financeiros. Eu não vendi ilusão para ninguém. Eles sabem, sim, da atual situação financeira e administrativa do Santos, que é periclitante, que é mais preocupante do que muita gente imagina”, declarou Rollo.

O dirigente garantiu ainda a permanência do técnico Cuca. “Já o tranquilizei acerca da situação política do clube”, disse.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário